Campos de atuação da Psicologia

Psicologia Clínica

A psicologia clínica enquanto ciência, estuda o comportamento humano, os processos mentais e atualmente estuda os processos neurológicos, aproximando a “neurociência”.

  • A psicologia clínica dedica-se ao estudo dos transtornos mentais e dos aspectos psíquicos , como a depressão, ansiedade, conflitos emocionais, traumas, solução de problemas pontuais que afligem o ser humano, luto, perdas significativas, emprego , aposentadoria , dificuldades de relacionamento, entre outros, com o objetivo de alcançar a superação destes conflitos.
  • É um processo dialético entre o profissional e o psicoterapeuta, juntos procuram restabelecer a saúde emocional e a integração bio-psiquica-social-espiritual.

Psicologia Organizacional

Estuda os fenômenos psicológicos presentes na organização, ou nas pessoas. O papel do psicólogo organizacional é o de alcançar níveis de qualidade na organização, seu foco está na relação do ser humano com o trabalho que desenvolve, tendo presente as potencialidades, a singularidade e a aptidão de aprender, as difereças pessoais e suas relações com o trabalho. Resolve conflitos entre os funcionários, aplica testes psicológicos, treinamento de habilidades, organiza o clima organizacional eficaz entre outras atividades.

  • A atuação do psicólogo organizacional é, prestar consultoria, orgãos públicos e organizações, promovendo a qualidade de vida do trabalhador e da organização. procurando compreender os fenômenos da organização na relação ser humano e trabalho, resgatando a subjetividade do trabalhador.
  • A motivação vem do estímulo.
  • O beneficio, é o aspecto social.
  • A motivação, é o aspecto psicológico.
  • A união dos dois, é o que promove o estimulo.
  • Foi a partir dos anos cinquenta, que surgiu a Psicologia Organizacional, esta começa a ter importância junto aos saberes da antropologia, sociologia e psicologia, influenciando o crescimento da psicologia social.
  • Todo trabalho é uma forma de significar a existência humana, a partir das experiências singulares de cada trabalhador, estas produzem subjetividade e colaboram na transformação do próprio ser humano e da natureza.

Psicologia Escolar e Educacional

Esta estuda os processos ensino/aprendizagem, através das diversas vertentes, relacionada a psicologia do desenvolvimento para crianças e adultos.

  • Os psicólogos educacionais desenvolvem um trabalho de conjunto com os educadores de forma que os educandos tenha um aprendizado eficiente. Tem o papel de responsabilidade na compreensão do que se refere ao comportamento de educadores e educandos, no ensino e aprendizagem, nos processos interpessoais e nas relações interpessoais, bem como os atributos relacionados a dimensão politica, social, econômica e cultural.
  • Cabe ao psicólogo zelar para a promoção da multiplicação dos saberes, promover a saúde dos educandos, tratar das dificuldades e da aprendizagem dos mesmos.
  • O papel do psicólogo escolar é o de proporcionar aos profissionais, reflexões acerca de seu diante dos problemas da escola, através da teoria sistêmica e dos pressupostos históricos-critico, criando novas propostas de intervenção do profissional de psicologia no contexto educacional.
  • A psicologia educacional se refere a pesquisa teórica , todavia a psicologia escolar é uma disciplina aplicada.

Psicologia Social

psicologia social surgiu com o intuito de estabelecer uma ponte, entre a psicologia e a sociologia, cujo objeto de estudo é o comportamento humano e a interação com as outras pessoas, enquanto ser social em suas diversas formas de convivência social. Ela investiga a interdependência entre as pessoas e a interação social das mesmas
como as atitudes e as mudanças de atitudes, a comunicação , os processos de socialização, os papéis sociais, os grupos sociais. Procura compreender as crises que abalam o mundo, estuda o fenômeno da liderança, os pré-conceitos, a opinião pública, a propaganda, mudanças de atitude de uma sociedade.

  • A psicologia social busca desenvolver a consciência social, que é o conhecimento, a percepção, honestidade, relacionado ao sentido de moralidade e de dever, que é a noção das próprias ações e sentimentos internos, relacionados aos processos da atividade humana, entre o pensamento e a ação, a teoria e a prática, que se qualifica através da comparação entre seres humanos na elaboração de suas próprias vidas.
  • Os campos da aplicação da psicologia social, é na educação, nas atividades clínicas, nas organizações e no trabalho de ação comunitária.
  • Os grandes historiadores da psicologia social iniciou em 1895 com Gustave Le Bon , com os estudos sobre processos grupais.
Post criado 16

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Posts Relacionados

Comece a digitar sua pesquisa acima e pressione Enter para pesquisar. Pressione ESC para cancelar.

De volta ao topo